101.5 FM

Fonte: EverybodyWiki Bios & Wiki


Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde setembro de 2021). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
101.5 FM
Rádio Sociedade de Volta Redonda Ltda.
País  Brasil
Frequência(s) FM 101,5 MHz
Sede Bandeira-voltaredonda.png Volta Redonda, RJ
Slogan Família, força e fé
Fundação 1996 (26 anos)
Pertence a Igreja Universal do Reino de Deus
Proprietário(s) Edir Macedo
Formato Comercial
Gênero Gospel
Faixa etária Todas as idades
Afiliações Rede Aleluia
Idioma (português brasileiro)
Prefixo ZYD 485
Emissoras irmãs 95.3 FM
Cobertura Região de Volta Redonda-Barra Mansa e áreas próximas
Coord. do transmissor 22° 29' 19.1" S 44° 6' 11.6" O
Dados técnicos Potência: 10 kW
Classe: A4
RDS: Não
Agência reguladora ANATEL
Informação de licença
CDB
PDF
Webcast Ouça ao vivo
Página oficial redealeluia.com.br

Erro Lua em Módulo:Categorização_AD_e_AB_de_outras_wikis na linha 173: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).

101.5 FM é uma emissora de rádio brasileira sediada em Volta Redonda, cidade do estado do Rio de Janeiro. Opera no dial FM, na frequência 101,5 MHz, e é uma emissora própria da Rede Aleluia, sendo pertencente à Igreja Universal do Reino de Deus. Seus estúdios estão localizados no templo da IURD no bairro Vila Santa Cecília, e seus transmissores estão no bairro Vila Brasília.

História[editar]

Antigo logotipo da emissora, utilizado até a compra pela Rede Aleluia em 2003.

Por volta de 1993, as rádios Stereo Sul AM e FM de Volta Redonda foram vendidas ao Sistema Porto Real de Comunicação, baseado em Resende. Esse, por sua vez, passou a transmitir a programação da Real FM em cadeia com a Stereo Sul FM (104,9) durante boa parte da programação, em uma estratégia para a Real alcançar os valiosos públicos do eixo Volta Redonda - Barra Mansa.

No início o projeto funcionou, mas depois surgiram constantes problemas técnicos que estavam inviabilizando o projeto. Além disso, comercialmente a rádio não obtinha resultados satisfatórios. Nessa época, havia um projeto de uma rádio inovadora para a região criado pelos comunicadores Gilberto Filho, Gilson Dutra e Celsius Leite. No início de 1996, a Rádio Stéreo Sul FM saiu do ar, exatamente quando se iniciaram as operações experimentais de uma rádio na frequência de 101,5 MHz.

A primeira audição da rádio, que ocorreu até abril, tinha uma programação musical no estilo adulto-contemporâneo. Depois disso, passaram a utilizar uma programação mais voltada para o mercado pop-jovem, com ênfase nos flash e mid-backs. Passou-se então, a anunciar o breve surgimento de uma nova rádio. Foram surgindo vinhetas de expectativa com as vozes de locutores conhecidos da região anunciando que estariam na nova emissora.

Em novembro de 1996, a rádio preparou um mega-show na Praça Brasil, na Vila Santa Cecília com a presença de aproximadamente 25 mil pessoas (segundo estimativa da Polícia Militar à época). Artistas consagrados e estreantes na época como Karina, Gottsha, Bob Run e Fincabaute, Tony Dory e Bárbara Becker marcaram presença naquele que foi um show histórico e marcou uma geração inteira na região.

Na carona desse sucesso, surgiu um programa que começou meio que por acaso e se tornou um dos maiores fenômenos de audiência da região: o Zoeira. Vitor Junior e Tom a época resolveram criar um programa despretensioso (nem tinha vinheta no início). Suas únicas armas eram o improviso e a participação dos ouvintes. Eles criaram o nome do programa por acaso e a coisa começou a expandir. Outros diferenciais marcaram a história da rádio, como a promoção do helicóptero e a parceria com a gravadora Spotlight Records que presenteava o público com uma infinidade de CDs todos os dias.

Tudo levava a crer que a 101 seria uma rádio muito boa. Mas não foi tão fácil assim. Primeiro, os problemas com sinal, que prejudicavam constantemente a programação. O estúdio era pequeno e ficava onde era a antiga Rádio Stereo Sul. Para resolver esses problemas, a direção (também com a intenção de cortar custos) tirou o estúdio de Volta Redonda e o transferiu para Resende, o que prejudicou em muito o departamento comercial da rádio. Visto que não era uma boa ideia manter a rádio em Resende, a empresa apressou as reformas no prédio do bairro São Luiz, para trazer a rádio de volta ao município, mas essa movimentação e até mesmo a falta de planejamento por parte da direção da rádio, teriam feito com que alguns dos principais locutores (e anunciantes) da rádio saíssem da emissora.

Em 1998, a 101.5 FM passou a transmitir direto de seu novo parque de transmissão, no bairro São Luiz. Surgiram novos programas como o Versão Brasileira, Top Ten. O Zoeira foi aprimorado e a rádio trouxe alguns radialistas de Angra dos Reis (com destaque para Serginho Bitenka, Adriano Maia e Márcio Gomes). Mais uma vez, a emissora se viu prejudicada por problemas de transmissão. Dessa vez, o fato de o estúdio ser localizado na mesma área do parque transmissor e ainda por cima em um vale, fez com que os constantes raios em época de chuva, interrompessem quase diariamente as transmissões. Novos desmanches no quadro de locutores ocorreram.

A rádio foi perdendo sua identidade. Em 2001, o coordenador à época Gilson Dutra, atendendo a uma determinação da diretoria da rádio, fez uma mudança brusca para tentar salvar a empresa. A programação então passou a ser popular. Segundo os argumentos propostos, isso faria com que a rádio absorvesse uma massa maior de público, viabilizando assim sua comercialização. A ideia não durou muito tempo, pois não caiu nas graças do público. O legado que restou, foi de que a 101 FM havia se transformado de uma grande rádio, para uma rádio sem identidade.

No início de 2003, iniciaram-se negociações com a Igreja Universal do Reino de Deus para a compra da rádio. Por volta de abril deste mesmo ano, a 101.5 FM e sua co-irmã Rádio Volta Redonda passaram a retransmitir a programação da Rede Aleluia e radicalizaram na mudança da programação, passando a ter um conteúdo totalmente voltado ao público evangélico.

Ligações externas[editar]

Ícone de esboço Este sobre Rádio é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Erro Lua em Módulo:Categorização_AD_e_AB_de_outras_wikis na linha 173: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).

Erro Lua em Módulo:Categorização_AD_e_AB_de_outras_wikis na linha 173: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).

  • Portal da rádio
  • Portal do Rio de Janeiro



Outros artigos dos temas Rádio E Rio de JaneiroRádio Mundial, 101 FM (Angra dos Reis)

Outros artigos do tema Rádio : CBN Vitória, Rádio Santo Ângelo, Mix FM Centro-Oeste Paulista, Radioamadorismo, Jovem Pan FM Osório, Rádio Charrua, 88,7 FM

Outros artigos do tema Rio de Janeiro : Rua Tonelero, Rio com Gentileza, 32º Batalhão de Polícia Militar (PMERJ), Joãozinho da Pecadora, Carlos Malta, Rafael da Silva Santos, Luís Sérgio Coelho de Sampaio


Este artigo "101.5 FM" é da wikipedia The list of its authors can be seen in its historical and/or the page Edithistory:101.5 FM.