Welcome to EverybodyWiki 😃 ! Nuvola apps kgpg.png Log in or ➕👤 create an account to improve, watchlist or create an article like a 🏭 company page or a 👨👩 bio (yours ?)...

Agrião (músico)

Fonte: EverybodyWiki Bios & Wiki
Jorge Agrião
Informação geral
Nome completo Jorge Fernando Ribeiro Trindade
Também conhecido(a) como Agrião
Nascimento 2 de novembro de 1964 (56 anos)
Local de nascimento Rio de Janeiro
Brasil
Gênero(s) Samba, MPB
Ocupação(ões) Cantor
Instrumento(s) Voz, pandeiro
Período em atividade Década de 90 - Presente
Outras ocupações Compositor, percussionista, musicista
Gravadora(s) Universal
Afiliação(ões) Martinho da Vila, Mart’nália, Ana Costa

Erro Lua em Módulo:Categorização_AD_e_AB_de_outras_wikis na linha 173: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).

Jorge Fernando Ribeiro Trindade (Rio de Janeiro, 2 de novembro de 1964), mais conhecido como Agrião ou Jorge Agrião, é um cantor, compositor[1] e percussionista de música popular brasileira.[2]

Nasceu em Laranjeiras, mudando-se posteriormente para Del Castilho. Em 1981, por volta dos 18 anos, foi morar em Vila Isabel, onde começou sua carreira de músico. Concomitantemente, no início de sua carreira musical, trabalhou também como despachante.[3]

No final da década de 1980, em parceria com Gaúcho e Nenéo, gravou a canção "Verdade ou ficção", numa coletânea de sambas. Já na década de 1990, foi percussionista de vários artistas famosos, entre os quais Martinho da Vila.[2]

Em 1997, Mart'nália gravou a canção "O samba é a minha escola", de autoria de Agrião, em parceria com Cláudio Jorge e Paulinho da Aba. A canção foi incluída no álbum "Minha cara".[2]

Em 1999, foi parceiro de Martinho da Vila em "O pai da Alegria", canção composta em homenagem à filha de Martinho e Cléo.[2]

Em 2001, gravou o álbum "Samba vadio", em dueto com Cláudio Jorge. O disco possuía diversas composições de sua autoria, entre elas, "Na hora do amor" (c/ Nei Lopes), "O pai da Alegria" (c/ Martinho da Vila) e "Boemia meu prazer".[2]

Em maio de 2002 atuou no espetáculo "Vila Isabel dá Samba", realizado no Teatro Rival-BR, juntamento com Mart’nália, Luiz Carlos da Vila e Cláudio Jorge.[2]

Juntamente com o grupo Compasso da Vila, apresentou-se, em 2003, em diversas ocasiões, na roda de samba do Tijuca Tênis Clube.[2] Em 2008, o samba "Fé", de sua autoria, incluído no álbum Madrugada, de Mart'nália. Apesar das críticas sofridas pelo disco, a canção de Agrião, em parceria com Evandro Lima, foi classificada como "uma jóia afrocarioca".[4]

Em 2010, foi parceiro de Ana Costa em diversas composições do segundo álbum daquela cantora, Novos alvos.[5][5]

Em 2017, passou a fazer parte do grupo Tempero Carioca[6][6]

Discografia[editar]

  • Samba Vadio (2001)
  • Musical Couer Sambá ( 1995)
  • Butiquim Do Martinho (1997)
  • Tempero Carioca (2017)

Referências

  1. https://immub.org/compositor/jorge-agriao
  2. 2,0 2,1 2,2 2,3 2,4 2,5 2,6 «Dados artísticos». dicionariompb.com.br. Consultado em 23 de setembro de 2020 
  3. «Biografia no Cravo Albin». dicionariompb.com.br. Consultado em 23 de setembro de 2020 
  4. Luiz Fernando Vianna (17 de setembro de 2008). «Descuido com repertório tira força de projeto». Folha de S. Paulo. Consultado em 23 de setembro de 2020 
  5. 5,0 5,1 Vilmar Bittencourt (18 de novembro de 2010). «Ana Costa em Novos alvos». culturabrasil.cmais.com.br. Consultado em 23 de setembro de 2020  Erro de citação: Código <ref> inválido; o nome "Rádio Cultura 2010" é definido mais de uma vez com conteúdos diferentes
  6. 6,0 6,1 Mauro Ferreira (15 de novembro de 2017). «Disco do Tempero Carioca tem samba com os sabores dos férteis quintais». G1. Consultado em 23 de setembro de 2020  Erro de citação: Código <ref> inválido; o nome "g1 2017" é definido mais de uma vez com conteúdos diferentes
Ícone de esboço Este sobre um(a) cantor é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Under construction icon-yellow.svg
Este artigo carece de caixa informativa ou a usada não é a mais adequada.


Este artigo "Agrião (músico)" é da wikipedia The list of its authors can be seen in its historical and/or the page Edithistory:Agrião (músico).