Alberto Aggio

Fonte: EverybodyWiki Bios & Wiki

Alberto Aggio (Araçatuba,[1][quando?]) é um historiador brasileiro, conhecido por seu trabalhos acadêmicos sobre democracia e pensamento político na América Latina.

Carreira acadêmica[editar]

Aggio graduou-se em História em 1982, pela Universidade de São Paulo (USP), onde entrara em 1975. Em 1984, pela mesma universidade, iniciou seu mestrado em História Social sob a orientação de Maria Lígia Coelho Prado, concluindo-o em 1990, sob o título A Estratégia Democrática ao Socialismo e o Governo Allende - Uma Contribuição ao Estudo da Esquerda Latino-Americana. No ano seguinte à conclusão de seu mestrado (1991), o pesquisador ingressaria em seu doutorado, novamente sob orientação da professora Maria Lígia Prado, agora intitulado A Frente Popular no Chile: História e Historiografia, e concluído em 1996.

Em 1999, desta vez pela Universidade Estadual Paulista (UNESP Franca), Aggio adquiriu livre-docência, com trabalho de título Pensamento Político e Estratégias Democráticas na América Latina. O professor universitário, por sua vez, ainda obteve pós-doutorados na Espanha, pela Universidade de Valência, em 1998, e na Itália, pela Universidade Roma Tre, em 2010.[2]

Foi professor titular Universidade Estadual Paulista (Franca) e é professor titular na Universidade Estadual Paulista (São Paulo).

Trajetória na política[editar]

Alberto Aggio é também dirigente nacional do Partido Popular Socialista (PPS)[3] e, em 2012, chegou a se candidatar a vereador na cidade de Franca, no interior paulista, não conseguindo, contudo, êxito nas urnas.[4]

Livros publicados[5][editar]

  • Democracia e Socialismo: A experiência chilena (1993)
  • Revolução e democracia no nosso tempo (1997)
  • Gramsci: A vitalidade de um pensamento (org.) (1998)
  • Frente popular, radicalismo e revolução passiva no Chile (1999)
  • Revolução e democracia no nosso tempo (1999)
  • Democracia e socialismo: a experiência chilena (2002)
  • Política e sociedade no Brasil, 1930-1964 (com A. de S. Barbosa e H. M. F. Coelho) (2002)
  • Pensar o século XX - problemas políticos e história nacional na América Latina (org. com M. Lahuerta) (2003)
  • Uma nova cultura política (2008)
  • Gramsci no seu tempo (org. com L. S. Henriques e G. Vacca) (2010)
  • Um lugar no mundo - estudos de história política latino-americana (2015)

Referências



Outros artigos dos temas Literatura E EducaçãoFernando Henrique Cardoso, Voltaire, Lívia Ledier, Coleção Schaum, Fábio Bahia, Terence Hines, Hélio Moreira

Outros artigos do tema Literatura : Lívia Ledier, Abhirama Mani, La Mecca, João Carlos Taveira, José Godoy Garcia, Prêmio Jabuti, Donos da Terra, a História do Primeiro Título Mundial do Santos

Outros artigos do tema Educação : Centro de Tecnologia da Indústria Química e Têxtil, Escola Italiana Eugenio Montale, Campos Sales, Lista de instituições de graduação em Relações Internacionais no Brasil, Edward Madureira Brasil, Cecil Thiré (professor), Universidade do Estado da Bahia


Este artigo "Alberto Aggio" é da wikipedia The list of its authors can be seen in its historical and/or the page Edithistory:Alberto Aggio.