Asking for It

Fonte: EverybodyWiki Bios & Wiki


Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Pode encontrar ajuda no WikiProjeto Cinema.
Se existir um WikiProjeto mais adequado, por favor corrija esta predefinição. Este artigo está para revisão desde julho de 2021.


Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Pode encontrar ajuda no WikiProjeto Cinema.

Se existir um WikiProjeto mais adequado, por favor corrija esta predefinição. Este artigo está para reciclagem desde julho de 2021.


Asking For It
 Estados Unidos
2021 •  cor •  97 min 
Direção Eamon O'Rourke
Produção Kiersey Clemons
Ezra Miller
Lee Broda
Luke Daniels
Coprodução Bryan Porter
Produção executiva Kevin Beer
Savoy Brummer
Lisa Yaro
Sol Guy
Seema Thakker
Roteiro Eamon O'Rourke
Elenco
  • Kiersey Clemons
  • Alexandra Shipp
  • Vanessa Hudgens
  • Ezra Miller
  • Gabourey Sidibe
  • Leyna Bloom
  • Luke Hemsworth
  • Radha Mitchell
  • Casey Cott
Género
Música Lilah Larson
Edição RJ Cooper
Ethan Maniquis
Ninef Sargis
Distribuição Redwire Pictures
ICM Partners
Lançamento 25 de janeiro de 2019
Idioma Inglês

Erro Lua em Módulo:Categorização_AD_e_AB_de_outras_wikis na linha 173: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).

Asking For It é um filme indie estadunidense de 2021, dos gêneros drama e thriller, dirigido e escrito por Eamon O'Rourke. O longa, que marca a estreia de O'Rourke como diretor cinematográfico, tem seu enredo principal acerca de temas como violência sexual, vingança e empoderamento feminino.

Estrelado por Kiersey Clemons, Alexandra Shipp, Vanessa Hudgens, Ezra Miller e Gabourey Sidibe, o filme foi filmado de maneira totalmente independente no fim de 2019 e lançado no Festival de Cinema de Tribeca no dia 13 de junho de 2021.[1]

Sinopse[editar]

Depois que Joey (Kiersey Clemons), uma garçonete que vive uma pequena cidade, é abusada sexualmente após um encontro com seu amigo de longa data Mike (Casey Cott), ela faz amizade com a misteriosa Regina (Alexandra Shipp), que a apresenta a The Cherry Bombers, uma gangue feminina que inclui Beatrice (Vanessa Hudgens), Lily (Leslie Stratton), Sal (Radha Mitchell), Jett (Leyna Bloom), Angie (Lisa Yaro) e Fala (Casey Camp-Horinek). Todos vítimas de traumas passados, juntas eles lutam contra uma sociedade misógina, visando se vingar de rapazes violentos de fraternidade, uma força policial corrupta de traficantes de seres humanos liderada pelo xerife Morel (David Patrick Kelly) e o perigoso grupo de extrema direita MFM (Men’s First Movement) (‘Primeiro Movimento dos Homens’, em tradução literal) liderado por Mark Vanderhill (Ezra Miller). Enquanto Joey é atraída ainda mais para esse mundo caótico, a antiga paixão de Sal, o xerife Vernon (Luke Hemsworth) investiga o MFM, levando a um confronto emocionante.[2]

Elenco[editar]

  • Kiersey Clemons como Joey
  • Alexandra Shipp como Regina
  • Vanessa Hudgens como Beatrice
  • Ezra Miller como Mark Vanderhill
  • Gabourey Sidibe como Rudy
  • Radha Mitchell como Sal
  • Leslie Stratton como Lily
  • Leyna Bloom como Jett
  • Lisa Yaro como Angie
  • Luke Hemsworth como Xerife Vernon
  • Casey Cott como Mike
  • David Patrick Kelly como Xerife Morrill
  • Casey Camp-Horinek como Fala
  • Sean Rogers como Oficial Marney
  • Patricia Belcher como Nana
  • Demetrius Shipp Jr. como Cuzzo
  • Wayne Dehart como Henry
  • Eric Michael Cole como Oficial Grumm

Produção[editar]

No início de setembro de 2019, Vanessa Hudgens contou em uma entrevista que estava se preparando para uma nova personagem lendo o SCUM Manifesto - manifesto feminista radical feito por Valerie Solanas) e que o mesmo seria bem dark, diferente de seus projetos mais recentes.[3]

Em novembro de 2019, as gravações do filme tiveram início na pequena cidade de Guthrie, em Oklahoma nos Estados Unidos, onde todo o longa foi gravado até meados de dezembro.[1]

De acordo com dados obtidos pelo próprio estado de Oklahoma, a produção, que utilizou o Programa de Desconto de Aprimoramento de Filmes de Oklahoma, foi responsável por empregar mais de 75 moradores locais na equipe e elenco, e aproximadamente 100 figurantes.[4]

Referências

  1. 1,0 1,1 «"Asking For It" Wraps Production in Oklahoma - Oklahoma Film and Music Office». okfilmmusic.org. Consultado em 11 de março de 2022. Arquivado do original em 11 de agosto de 2020 
  2. «Asking For It | 2021 Tribeca Festival». Tribeca. Consultado em 11 de março de 2022 
  3. «Vanessa Hudgens Talks 'SCUM Manifesto' and Anarchist Feminists at Carolina Herrera». www.yahoo.com (em English). Consultado em 11 de março de 2022 
  4. «"Asking For It" wraps production in Guthrie, Oklahoma». Guthrie News Page (em English). 13 de dezembro de 2019. Consultado em 11 de março de 2022 
Ícone de esboço Este sobre um filme estadunidense é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.



Outros artigos dos temas cinema E Estados UnidosBad Boy (filme de 1925), State's Evidence, Woody Dines Out, Polly Pocket 2: Cool at the Pocket Plaza, Yes, We Have No Bonanza, Mabel's Wilful Way, Finding Home

Outros artigos do tema cinema : Brideless Groom, Fatty's Gift, A Gem of a Jam, Botinada: A Origem do Punk no Brasil, Aleksandr Andriyevski, Micky Molina, Arctic Blast

Outros artigos do tema Estados Unidos : Dino Dan, Compositores dos Estados Unidos, East Side (Manhattan), God Forbid, Princesinha, Misery Index, Jennifer Welch-Babidge


Erro Lua em Módulo:Controle_de_autoridade na linha 131: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).Erro Lua em Módulo:Taxonbar na linha 147: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).Erro Lua em Módulo:Medbar na linha 131: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).


Este artigo "Asking for It" é da wikipedia The list of its authors can be seen in its historical and/or the page Edithistory:Asking for It.