Welcome to EverybodyWiki 😃 ! Nuvola apps kgpg.png Log in or ➕👤 create an account to improve, watchlist or create an article like a 🏭 company page or a 👨👩 bio (yours ?)...

Double Dee e Steinski

Fonte: EverybodyWiki Bios & Wiki


Translation to english arrow.svg
A tradução deste artigo está abaixo da qualidade média aceitável. É possível que tenha sido feita por um tradutor automático ou por alguém que não conhece bem o português ou a língua original do texto. Caso queira colaborar com a Wikipédia, tente encontrar a página original e melhore este verbete conforme o guia de tradução.
Double Dee and Steinski
Informação geral
Origem Estados Unidos
Gênero(s) Hip hop
Período em atividade 1983–presente
Várias reuniões (1998, 2002, 2006)
Gravadora(s) Tommy Boy/Warner Bros. Records (1983-1986)
4th & B'way/Island/PolyGram (1986–1988)
Afiliação(ões) David Witz
Integrantes Douglas "Double Dee" DiFranco
Steven "Steinski" Stein
Página oficial ddski.com

Erro Lua em Módulo:Categorização_AD_e_AB_de_outras_wikis na linha 173: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).

Double Dee e Steinski são uma dupla de produtores de hip hop, composta de Douglas "Double Dee" DiFranco e Steven "Steinski" Stein. Alcançaram notoriedade no começo dos anos 1980 por uma série de colagens musicais com samples conhecidas como "Lessons".

Embora nunca tenham um disco de sucesso, se provaram altamente influentes para uma série de artistas como Coldcut, DJ Shadow, Cut Chemist, The Avalanches e Girl Talk.[1] Suas produções não estiveram em CD até 2008 por suas inúmeras quebras de direitos autorais, usando samples não autorizados.

História[editar]

Em 1983, a Tommy Boy Records realizou um concurso promocional, no qual os participantes foram convidados a remixar o single "Play That Beat, Mr. D.J." de G.L.O.B.E. and Whiz Kid. Na época, DiFranco trabalhava como profissional em estúdio musical, enquanto Stein era supervisor na Doyle Dane Bernbach. Embora os dois fossem mais velhos (27 e 31, respectivamente) do que a maioria dos colegas da comunidade hip-hop, ambos eram entusiastas do gênero; Stein, em particular, frequentava clubes de rap do centro da cidade há anos e tinha um amplo conhecimento da história do hip-hop (embora os primeiros discos de hip-hop só tivessem aparecido em 1979), o trabalho como DJ era um fenômeno que existia desde 1973. Stein alegou ter se inspirado nas produções de Dickie Goodman conhecidas como Flying Saucer records dos anos 1950.[2]

A entrada da dupla no concurso, "Lesson 1 – The Payoff Mix", estava recheada de samples de outras artistas - não somente hip-hop mas também de funk e disco que eram populares entre os DJs de hip-hop, mas com pequenos trechos de canções antigas de Little Richard e The Supremes, juntamente com trechos de diálogos de diferentes fontes desde discos com instruções sobre como sapatear até filmes com Humphrey Bogart. A gravação ocorreu no estúdio de DiFranco com 12 a 14 horas de trabalho, durante dois dias e foi aclamado pela crítiva.[3] O júri, que incluía Afrika Bambaataa, Shep Pettibone e "Jellybean" Benitez, premiou "Lesson 1" com o primeiro lugar.

DiFranco e Stein deram sequência a seu sucesso com a faixa "Lesson 2 — The James Brown Mix" em 1984, que começa com um sample do programa de rádio The War of the Worlds, seguido por montagem com memoráveis breakbeats de gravações clássicas de James Brown, bem como o uso de vários outros samples. Ainda naquele ano, DiFranco se juntou com David Witz, produtor da CBS Records que gravava como Arthur Ether, para criar "Taste So Good", que lançaram sob o nome de File 13[carece de fontes?]. "Taste So Good" foi construído a partir de trechos de [[telessexo|telefonemas de serviços sexuais\\ gravadas sobre um base instrumental original, e apesar de picante demais para as rádios em 1984, o single de 12" teve sucesso em boates e alcançou o número 38 na parada Dance/Disco Top 80 da Billboard em 6 de outubro de 1984.

Em 1985, a faixa track "Lesson 3 — The History of Hip-Hop Mix", continuou com o uso dos favoritos do breakdancing, juntamente com trechos de The Tonight Show Starring Johnny Carson e a versão de Archie Bleyer para a canção "Hernando's Hideaway". Posteriormente ainda em 1985, o EP Lessons 1-3, foi lançado contendo todas as três "Lessons".[carece de fontes?]

Em 1986, Steinski lança "We'll Be Right Back" pela Fourth & Broadway[carece de fontes?] sob o nome de Steinski & Mass Midia. Como o título indicava a faixa era recheada de comerciais de rádio e TV dos anos 1950 e 1960. Em 1987, "The Motorcade Sped On" foi lançado[carece de fontes?], que utilizava trechos de noticiários, principalmente do jornalista Walter Cronkite, sobre o assassinato de John F. Kennedy e eventos associados, sobre uma base de bateria sampleado de "Honky Tonk Women" dos Rolling Stones'. Em 1988 "Let's Play It Cool" foi lançado pela Fourth & Broadway.[carece de fontes?]

Samples[editar]

Lesson One:The Payoff Mix

  • "Play That Beat" by G.L.O.B.E. and Whiz Kid
  • "The Adventures of Grandmaster Flash on the Wheels of Steel" de Grandmaster Flash and the Furious Five
  • Play It Sam...Play "As Time Goes By" (Avalon/As Time Goes By) por Humphrey Bogart (diálogo retirado do filme Casablanca)
  • "That's the joint" de Funky Four Plus One
  • Take the Country to N.Y. City de Hamilton Bohannon
  • "Don't Make Me Wait" (Acapella) de Peech Boys
  • "Stop! In The Name Of Love" de The Supremes
  • "Rockit" de Herbie Hancock
  • "Situation" 12" de Yazoo
  • "Starski Live at the Disco Fever" de Lovebug Starski
  • "World's Famous", "Hobo Scratch", "D'Ya Like Scratchin'" e "Buffalo Gals" de Malcolm McLaren
  • "Apache" de Incredible Bongo Band
  • "Tutti Frutti" de Rufus Thomas
  • "Last Night A DJ Saved My Life" de Indeep
  • "I'll Tumble 4 Ya" de Culture Club
  • Discurso de Fiorello La Guardia de Reading the Comics - Julho de 1945

Lesson Two:The James Brown Mix

  • Canções de James Brown
    1. "Get Up (I Feel Like Being a) Sex Machine"
    2. "Make It Funky"
    3. "Say It Loud – I'm Black and I'm Proud"
    4. "Mother Popcorn"
    5. "Get Up Offa That Thing"
    6. "Escape-ism"
    7. "I Got Ants in My Pants"
    8. "Get on the Good Foot"
    9. "I Got You (I Feel Good)"
  • Diálogo de Orson Welles no Programa de rádio A Guerra dos Mundos
  • "Do the Do" by Kurtis Blow
  • Diálogo de Piu-Piu
  • "Hobo Scratch" de Malcolm McLaren
  • "Two, Three, Break" de The B-Boys
  • "Funk n Bop" de Mutiny
  • "Mama Used to Say" de Junior
  • "...do you ya feel lucky?" diálogo do filme Dirty Harry falado por Clint Eastwood
  • "Now how about cutting the rebop?!" diálogo do filme Um bonde chamado desejo falado por Marlon Brando
  • "Rock The House" de The B-Boys
  • Diálogo de Pernalonga
  • "Itch and Scratch" de Rufus Thomas
  • "Dance to the Music" de Sly and the Family Stone
  • "Looking For The Perfect Beat" de Afrika Bambaataa
  • "Play That Beat" de MC G.L.O.B.E.
  • "Double Dutch Bus" de Frankie Smith
  • Discurso de Fiorello La Guardia
  • "Change Le Beat" de Fab 5 Freddy

Lesson Three:History

  • "The Crunge" de Led Zeppelin
  • "The torch has been passed to a new generation..." sampleado de discurso de John F. Kennedy em 1961
  • "Dance to the Drummer's Beat" de Herman Kelly and Life
  • "Jam on the Groove" de Ralph MacDonald
  • "Hernando's Hideaway" de Archie Bleyer
  • "Generator Pop" (Extended Version) de P-Funk All Stars
  • "Scorpio" de Dennis Coffey
  • "Human Beatbox" de Fat Boys
  • "Listen To Me" de Baby Huey
  • "Jam On It" de Newcleus
  • "Funky Music Is the Thing" de Dynamic Corvettes
  • "Got to have soul!" do filme Putney Swope
  • "Apache" de Incredible Bongo Band
  • The Flying Saucer" (Part One) de (Bill Buchanan e Dickie Goodman)
  • "Planet Rock" de Afrika Bambaataa
  • "You know how to whistle..." diálogo do filme Uma aventura na Martinica falado por Lauren Bacall
  • "I could dance with you till the cows come home..." diálogo do filme Duck Soup falado por Groucho Marx
  • Abertura do programa The Tonight Show Starring Johnny Carson
  • Discurso de Fiorello La Guardia

The Motorcade Sped On

  • Abertura do programa The Tonight Show Starring Johnny Carson
  • Acorde inicial de "A Hard Day's Night" por The Beatles
  • Múltiplos samples de discurso de John F. Kennedy em 1961
  • Break de "Honky Tonk Women" por The Rolling Stones
  • Múltiplo samples do boletim da CBS apresentado por Walter Cronkite relatando o assassinato de Kennedy
  • Sample do discurso Ich bin ein Berliner de John F. Kennedy 3m 1963
  • "Ugh!" sample de "Kiss" por Prince
  • "Oh!" sample de "The Show" por Doug E. Fresh and the Get Fresh Crew
  • "Why?" sample de "Tough" por Kurtis Blow
  • "Flash!" sample de "Flash" (a.k.a. Flash's Theme) por Queen da trilha-sonora do filme "Flash Gordon"

Referências

  1. Gabriele, Timothy (17 de junho de 2008). «Steinski: What Does It All Mean?». PopMatters. Consultado em 8 de outubro de 2013 
  2. Rabin, Nathan (24 de junho de 2008). «Interview: Steve "Steinski" Stein». The A.V. Club. Consultado em 10 de outubro de 2013 
  3. «Down by Law: Great Dance Records You Can't Buy». RobertChristgau.com. 25 de março de 1986. Consultado em 29 de setembro de 2008 

Ligações externas[editar]

Erro Lua em Módulo:Controle_de_autoridade na linha 131: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).Erro Lua em Módulo:Taxonbar na linha 147: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).Erro Lua em Módulo:Medbar na linha 131: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).

  • Portal do hip hop
  • Portal dos Estados Unidos



Outros artigos do tema Hip hop : JotaPê Mc, Mãolee, Samba-rap, Froid (rapper)

Outros artigos do tema Estados Unidos : Mortal Kombat: The Journey Begins, Rene Moore, Alicia Simmons, Larry Barber, Ikarian, James Read, James Horan


Este artigo "Double Dee e Steinski" é da wikipedia The list of its authors can be seen in its historical and/or the page Edithistory:Double Dee e Steinski.