Welcome to EverybodyWiki 😃 ! Nuvola apps kgpg.png Log in or ➕👤 create an account to improve, watchlist or create an article like a 🏭 company page or a 👨👩 bio (yours ?)...

Fábio Bahia

Fonte: EverybodyWiki Bios & Wiki
(Redirecionado de Fabio Bahia)
Fábio Bahia
 Edit this InfoBox
Fábio Bahia para o Projeto Aula Paraná, 2020
Nome completo Fábio Bahia de Oliveira
Nascimento 7 de agosto de 1976 (44 anos)
Santaluz, BA, Brasil
Morte
Nacionalidade brasileiro
Alma mater Universidade do Estado da Bahia - UNEB
Ocupação Escritor e Poeta
Gênero literário Conto e poesia
Erro Lua em Módulo:Categorização_AD_e_AB_de_outras_wikis na linha 173: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).

Fábio Bahia de Oliveira (Santaluz, 7 de agosto de 1976), mais conhecido como Fábio Bahia, é um escritor, poeta e educador brasileiro.

Biografia[editar]

Nascido e criado no maior polo produtor e industrial de sisal do mundo, Fábio Bahia percebeu, ainda na escola, que poderia encantar com o que escrevia: uma professora gostou bastante de uma redação sua e a colocou para interpretação nas provas de Língua Portuguesa de todas as turmas que lecionava. Tempos depois descobriu o conto O Disco, integrante da obra O Livro de Areia, do escritor argentino Jorge Luis Borges. Foi o “gatilho” que despertou nele a vontade de escrever. Dedicou um bom tempo à prosa, até que um amigo lhe apresentou as obras de Edgar Allan Poe e Augusto dos Anjos, fazendo-o abraçar também a poesia. [1]

Fábio mudou-se em 2003 para Caldas de Cipó, Bahia, onde reside e é radicado. Licenciado em Letras, com habilitação em Língua Inglesa, pela Universidade do Estado da Bahia – UNEB (2007), e especialista em “Prevenção da Violência, Promoção da Segurança e Cidadania” pela Universidade Federal da Bahia – UFBA (2016), em diversas oportunidades exerceu a função de educador, incluindo o ensino de uma de suas paixões, o xadrez.

Servidor cidadão[editar]

Com o intuito de contribuir para a melhoria da aprendizagem de crianças, adolescentes, adultos e até idosos, Fábio Bahia incentivou, a partir de 2006, o ensino e a prática do xadrez nas escolas públicas de Caldas de Cipó através do Projeto Xadrez nas Escolas. Em reconhecimento, Fábio recebeu, como um de seus finalistas, o Prêmio Servidor Cidadão em 20 de novembro de 2012. [2]

Moção de aplausos[editar]

Em paralelo à promoção da prática do xadrez nas escolas Fábio Bahia continuou produzindo sua poesia e participando de diversos concursos literários, sendo selecionado para publicação em antologias poéticas nacionais (como no III Prêmio Literário Cidade Poesia, com a obra Pingo de Chuva) [3][4] e internacionais (como na I Antología Internacional de Poesía Contemporánea, com Nuestras máscaras en vida). [5]

Em particular, o 3o lugar conseguido com a obra Cambiando valores no XXIX Certamen Literario de Relato y Poesía González-Waris, da Alianza de Escritores y Comunicadores Evangélicos - ADECE (Espanha), levou a Câmara Municipal de Santaluz a conceder, em 31 de março de 2014, uma moção de aplausos “ao Senhor Fábio Bahia” por “ter sido contemplado em 3o lugar no Concurso Internacional da ADECE” e “por se tratar de uma pessoa que eleva a Cultura Luzense”. [6]

Ferramenta dos deuses[editar]

No mesmo ano de 2014 (29 de novembro) Fábio Bahia lançou seu 1o livro. Ferramenta dos Deuses – Contos Fantásticos traz contos voltados ao público infantojuvenil cuja temática é baseada em mitologia e na teoria do astronauta antigo, popularizada pela obra Eram os Deuses Astronautas?, do escritor suíço Erich von Däniken. [7][8]

Cidadão cipoense[editar]

Considerando sua trajetória em prol da educação e da cultura e sua contribuição para o desenvolvimento da sociedade local, em 21 de março de 2017 a Câmara Municipal de Cipó concedeu “ao Senhor Fábio Bahia de Oliveira” o título de cidadão cipoense. [9]

Testemunho do projétil que matou Maiakóvski[editar]

Em julho do mesmo ano Fábio Bahia lançou seu 2o livro, Testemunho do Projétil que Matou Maiakóvski, uma coletânea de versos livres e poemas visuais produzidos ao longo de sua carreira. [10]

Visibilidade[editar]

Fábio Bahia continuou participando de concursos literários, sendo premiado [11] e selecionado para publicação em antologias literárias [12][13][14] e divulgando seu trabalho nas redes sociais. Tudo isso somado à publicação e crescente aceitação de seu Maiakóvski chamou a atenção principalmente para seus poemas visuais. [15][16]

Interesse acadêmico[editar]

França (2018) discute o uso da poesia concreta como instrumento mediador no ensino da escrita formal da Língua Portuguesa (LP) para turmas inclusivas de surdos. Para ele, poemas visuais podem “contribuir para a ampliação vocabular, a compreensão da organização das sentenças e da construção de significados na LP” porque possuem “um vasto potencial visual e imagético que, se trabalhado adequadamente, enriqueceria o estudo do idioma português” (p. 15). Sua análise toma como base poemas visuais, “principalmente, dos poetas Augusto de Campos, Sérgio Caparelli, Fábio Sexugi e Fábio Bahia, que servirão para propormos as práticas de reflexões sobre a linguagem e a LP para classes regulares inclusivas com surdos” (p. 18). De Bahia, o estudo analisa o poema Ode ao café (p. 52-53).

Já Almeida (2019) acredita que “Ciência e arte podem se tornar parceiras permanentes do encontro com o desconhecido”. Daí, pretendeu em seu trabalho “colocar em diálogo, em pé de igualdade, pensamentos, conceitos e teorias do campo das ciências com textos, escritos ou imagéticos, que com eles dialogam e que fomos encontrando na literatura e em outras obras artísticas”. Uma dessas obras presentes no texto é o poema visual Antropofagia Curricular, de Fábio Bahia, que dá forma e conteúdo ao conceito homônimo (p. 29-31).

Poesia visual nas escolas[editar]

A obra literária de Fábio Bahia também atraiu o interesse do universo escolar. Diversas iniciativas pedagógicas de vários estados e municípios brasileiros utilizam seus poemas visuais nas atividades de ensino. São exemplos os projetos Aprender Sempre (São Paulo), [17][18][19] Estudo em Casa (Ceará), [20] Simplifica (Fundação Lemann), [21][22] Aula Paraná (Paraná), [23][24] entre outros. [25][26][27] Alguns incluem uma minibiografia do poeta, como os citados Aprender Sempre [28] e Aula Paraná. [29]

Obras[editar]

Conto

  • 2014: Ferramentas dos Deuses – Contos Fantásticos. Ed. Mondrongo, 1a Edição.

Poesia

  • 2017: Testemunho do Projétil que Matou Maiakóvski. Ed. Mondrongo, 1a Edição.

Homenagens e reconhecimento[editar]

Prêmio Servidor Cidadão

  • Motivo: Projeto Xadrez na Escola.
  • Por: Governo do Estado da Bahia.
  • Em: 20 de novembro de 2012.

Moção de Aplausos

  • Motivo: XXIX Certamen Literario de Relato y Poesía González-Wariz.
  • Por: Câmara de Vereadores de Santaluz-BA.
  • Em: 31 de março de 2014.

Título de Cidadão Cipoense

  • Por: Câmara Municipal de Vereadores de Cipó-BA.
  • Em: 21 de março de 2017.

Referências[editar]

  1. Entrevista com o escritor Fábio Bahia. Portal Cranik. 22 de dezembro de 2014. Consultado em 7 de maio de 2021.
  2. Xadrez para estimular a cognição e auxiliar o desempenho escolar. Portal do Servidor. 18 de outubro de 2012. Consultado em 24 de abril de 2021.
  3. Ases divulga resultado do III Prêmio Literário Cidade Poesia. Jornal Em Dia. 8 de outubro de 2013. Consultado em 24 de abril de 2021.
  4. III Prêmio Literário Cidade Poesia. ASESBP. 8 de outubro de 2013. Consultado em 24 de abril de 2021.
  5. Autores/as seleccionados/as para la I Antología Internacional de Poesía Contemporánea. Asociación Estudos Universitarios. 29 de dezembro de 2013. Consultado em 24 de abril de 2021.
  6. Se anuncian los ganadores del certamen literario González-Waris. Protestante Digital. 16 de março de 2014. Consultado em 24 de abril de 2021.
  7. Escritores da Região Cacaueira e do Sertão da Bahia lançam seus livros em Salvador. Cultura BA. 24 de março de 2015. Consultado em 9 de maio de 2021.
  8. Resenha "Ferramentas dos Deuses" Livro #1 de Fábio Bahia. Saleta de Leitura. 10 de março de 2016. Consultado em 9 de maio de 2021.
  9. Concede o título de cidadão Cipoense ao Sr. Fábio Bahia de Oliveira. Câmara Municipal de Cipó, Diário Oficial do Legislativo n. 248. 21 de março de 2017. Consultado em 9 de maio de 2021.
  10. Testemunho do Projétil que Matou Maiakóvski. Se Liga, Alagoinhas!. 19 de março de 2020. Consultado em 9 de maio de 2021.
  11. Vencedores do Concurso de Poesias Varal Verde são divulgados no Paço Municipal. Prefeitura de Itanhaém. 21 de setembro de 2017. Consultado em 9 de maio de 2021.
  12. "Cantares de Arrumação" lota "Radiola – Lanchonete Cultural". Viva Feira. 9 de março de 2016. Consultado em 9 de maio de 2021.
  13. Lançamento do e-book do Concurso de Poemas da UFSJ. Inverno Cultural UFSJ. 22 de julho de 2018. Consultado em 9 de maio de 2021.
  14. Livro de Poemas da Universidade Federal de São João del-Rei. UFSJ. 22 de julho de 2018. Consultado em 9 de maio de 2021.
  15. Poesia concreta. Odisseia – Consultoria Literária e Linguística. 16 de outubro de 2020. Consultado em 9 de maio de 2021.
  16. A Poesia Visual de Fábio Bahia. Revista Arara. s.d. Consultado em 9 de maio de 2021.
  17. Educação SP forma professores para programa de recuperação e aprofundamento de alunos da rede estadual. Governo do Estado de São Paulo. 12 de novembro de 2020. Consultado em 9 de maio de 2021.
  18. Aprender Sempre, Volume 2, 3a Série – Ensino Médio: Língua Portuguesa, Matemática e Tecnologia. Governo do Estado de São Paulo. Abril de 2021, p. 28. Consultado em 9 de maio de 2021.
  19. Aprender Sempre, Volume 1, 5ºAno – Ensino Fundamental: Língua Portuguesa e Matemática. Governo do Estado de São Paulo. Abril de 2021, p. 39-44. Consultado em 9 de maio de 2021.
  20. Estudo Em Casa, Volume 5, 5º Ano – Ensino Fundamental: Língua Portuguesa. Governo do Estado do Ceará. 2021, p. 3-4. Consultado em 9 de maio de 2021.
  21. Simplifica. Amplifica. 2021. Consultado em 9 de maio de 2021.
  22. Simplifica, Semana 4, 3º Ano – Anos Iniciais: Seres Vivos. Fundação Lemann. 2021, p. 9-12. Consultado em 9 de maio de 2021.
  23. Aula Paraná. Governo do Estado do Paraná. s.d. Consultado em 9 de maio de 2021.
  24. Aula Paraná, 6ºAno: Língua Portuguesa. Governo do Estado do Paraná. Abril de 2021, p. 6 e 10-17. Consultado em 9 de maio de 2021.
  25. 1ºAno: Língua Portuguesa. Governo do Estado de Goiás. Setembro de 2020, p. 1. Consultado em 9 de maio de 2021.
  26. "Eu cuido de você, você cuida de mim", 4ºAno: Atividades Remotas 2020. Prefeitura Municipal de Nova Olímpia-MT. Agosto de 2020, p. 2 e 21. Consultado em 9 de maio de 2021.
  27. 6ºAno: Atividades II. Prefeitura Municipal de Mesquita-RJ. Outubro de 2020, p. 1. Consultado em 9 de maio de 2021.
  28. Minibiografia do poeta Fábio Bahia. In: Aprender Sempre, Volume 1, 5ºAno – Ensino Fundamental: Língua Portuguesa e Matemática. Governo do Estado de São Paulo. Abril de 2021, p. 40. Consultado em 9 de maio de 2021.
  29. Minibiografia do poeta Fábio Bahia. In: Aula Paraná, 6ºAno: Língua Portuguesa. Governo do Estado do Paraná. Abril de 2021, p. 6-7. Consultado em 9 de maio de 2021.

Bibliografia[editar]

Ligações externas[editar]



Outros artigos dos temas Biografias E LiteraturaIacyr Anderson Freitas, Lêda Boechat Rodrigues, Kleber Lago, Hélio Couto, Gerina Dunwich, Oscar Nestarez, Álvaro Santestevan

Outros artigos dos temas Biografias E EducaçãoPaulo Altomani, Kalil Baracat, Emílio Garrastazu Médici, Eduardo Baptista Correia, Cecil Thiré (professor), José Cavalcanti de Barros Accioli, Tales de Sá Cavalcante

Outros artigos dos temas Literatura E EducaçãoLívia Ledier, Coleção Schaum, Alberto Aggio, Paulo de Mesquita Lara, Terence Hines, Hélio Moreira

Outros artigos do tema Biografias : Cantores da Bahia, Marcelo do Nascimento Moscatelli, Airon Timóteo Cavalcante, João Peglow, Robson Maciel, Carlos, Príncipe de Gales, Igor Vinícius

Outros artigos do tema Literatura : Raimundo Neto, Manuel da Graça e Costa, Jean Soublin, Fabião das Queimadas, Planetenromane, Medo de Sade, Ulmo

Outros artigos do tema Educação : Terence Hines, Campus do Valonguinho, Instituto de Ciência, Tecnologia e Inovação da Universidade Federal da Bahia, Universidades federais do Brasil, Lívia Ledier, Aula Magna, Universidades estaduais do Brasil

Outros artigos do tema Bahia : Universidade Federal da Bahia, Artistas da Bahia, Estádio Municipal Roberto Muniz, Serginho Baiano, Estádio Municipal Angelo Francisco de Oliveir, Universidade Estadual de Santa Cruz, Gustavo Blanco

Outros artigos do tema Brasil : José Carlos Reis de Magalhães, Relações entre Brasil e Romênia, Pense, Relações entre Brasil e França, Lista de emissoras da Rede Meio Norte, Lista de transferências no futebol brasileiro na Janela de pré-temporada no período 1 de janeiro – 16 de Abril de 2019, Duda Pimenta


Este artigo "Fábio Bahia" é da wikipedia The list of its authors can be seen in its historical and/or the page Edithistory:Fábio Bahia.