Welcome to EverybodyWiki 😃 ! Nuvola apps kgpg.png Log in or ➕👤 create an account to improve, watchlist or create an article like a 🏭 company page or a 👨👩 bio (yours ?)...

Fernando Romboli

Fonte: EverybodyWiki Bios & Wiki
Tenista Fernando Romboli de Souza
Romboli3.jpg
Romboli, na Copa Petrobras de Tênis, etapa São Paulo, em 2009
País  Brasil
Residência Guarujá, Brasil
Data de nascimento 4 de janeiro de 1989 (31 anos)
Local de nasc. Rio de Janeiro, RJ
Altura 1,80 m
Peso 81 kg
Treinado por Elson Longo
Profissionalização 2006
Mão destro
Prize money US$ 219 574 Fonte
Simples
Vitórias-Derrotas {{#property:P564}}
Títulos 0
Melhor ranking Nº 236 (20 de junho de 2011)
Ranking atual simples Nº 1273 (13 de agosto de 2018)
Resultados de Grand Slam
Roland Garros Q1 (2011)
Wimbledon Q1 (2011)
US Open Q1 (2011)
Duplas
Vitórias-Derrotas {{#property:P555}}
Títulos 0
Melhor ranking Nº 107 (13 de agosto de 2018)
Resultados de Grand Slam de Duplas
Última atualização em: 15 de agosto de 2018.

Fernando Romboli de Souza (Rio de Janeiro, 4 de janeiro de 1989), é um tenista profissional brasileiro. Foi número dois do mundo juvenil pela ITF.

Biografia[editar]

Começou a jogar tênis com seis anos de idade na academia de seu tio. Este carioca, mas santista de coração, foi sempre muito bem nos torneios infanto-juvenis, podendo ser um dos grandes nomes do futuro tênis brasileiro, já sendo até elogiado por Fernando Meligeni.

Começou jogando em Santos, levantando vários troféus desde criança. A carreira juvenil foi muito boa internacionalmente, pelo circuito juvenil da ITF.

Foi o segundo melhor juvenil do mundo em 2007.

Principiou a disputar torneios profissionais, sendo seu melhor ranking de simples 236º e de duplas 106º.

Em 2011 foi vice-campeão do Challenger de Bucaramanga, na Colômbia. Neste ano chegou a ser top 250 do mundo em simples. Nas duplas, foi campeão do Challenger do Recife em abril.

Em 2012, nas duplas, foi campeão do Challenger de São Paulo em janeiro. Neste ano atingiu seu melhor ranking de duplas de todos os tempos, o posto de n.153 do mundo, em março.

Em 2013, nas duplas, foi campeão do Challenger de São Paulo em julho, e do Challenger de Lima em novembro.

Em 2014, nas duplas, foi campeão do Challenger de Salinas em fevereiro.

Em 2015 obteve seu maior título de simples da carreira, vencendo o Challenger de Cali em maio. Nas duplas, venceu o Challenger de Pereira.

Passou a se dedicar mais às duplas em 2017. Em 2017 ganhou o Challenger de duplas de Montevidéu, e em 2018 ganhou o Challenger de Duplas de Morelos. Em 2019, mais um título nível Challenger, nas duplas, desta vez em Santigo.

Títulos; 10 (1 + 9)[editar]

Legenda Simpes Duplas
Grand Slam 0 0
ATP World Tour Finals 0 0
ATP World Tour Masters 1000 0 0
ATP World Tour 500 Series 0 0
ATP World Tour 250 Series 0 0
ATP Challenger Series 1 9

Simples[editar]

N.º Data Torneio Superfície Rival na final Resultado
1. 10.05.2015 Colômbia Challenger de Cali Saibro Equador Giovanni Lapentti 4−6, 6−3, 6−2

Duplas[editar]

N.º Data Torneio Superfície Parceiro Oponentes na final Resultado
1. 10.04.2011 Brasil Challenger de Recife Dura Equador Giovanni Lapentti Brasil André Ghem

Brasil Rodrigo Guidolin

6–2, 6–1
2. 08.01.2012 Brasil Challenger de São Paulo Dura Brasil Júlio Silva Eslováquia Jozef Kovalík

Brasil José Pereira

6–2, 6–3
3. 03.08.2013 Brasil Challenger de São Paulo-3 Saibro Argentina Eduardo Schwank El Salvador Marcelo Arévalo

Colômbia Nicolás Barrientos

6(6)-7, 6-4, [10-8]
4. 16..11.2013 Peru Challenger de Lima Saibro Argentina Andrés Molteni Brasil Marcelo Demoliner

Peru Sergio Galdós

6-4, 6-4
5. 01.03.2014 Equador Challenger de Salinas Saibro Venezuela Roberto Maytín Bolívia Hugo Dellien

Argentina Eduardo Schwank

6–3, 6–4
6. 03.10.2015 Colômbia Challenger de Pereira Saibro Argentina Andrés Molteni El Salvador Marcelo Arévalo

Colômbia Juan Sebastián Gómez

6–4, 7-6(12)
7. 11.11.2017 Uruguai Challenger de Montevidéu Saibro Mónaco Romain Arneodo Uruguai Ariel Behar

Brasil Fabiano de Paula

2-6, 6–4, [10-8]
8. 24.02.2018 México Challenger de Morelos Dura Venezuela Roberto Maytín Estados Unidos Evan King

Estados Unidos Nathan Pasha

7-5, 6–3
9. 09.03.2019 Chile Challenger de Santiago Saibro Argentina Franco Agamenone Argentina Facundo Argüello

Uruguai Martín Cuevas

7-6(5), 1-6, [10-6]

Ranking[editar]

  • Atual ranking de simples: 1273°'
  • Melhor ranking de simples: 236° (20 de junho de 2011)[1]
  • Atual ranking de duplas: 133° (27 de fevereiro de 2015 )
  • Melhor ranking de duplas: 106° (20 de agosto de 2018)

Veja também[editar]

Lista de tenistas do Brasil

Referências

Erro Lua em Módulo:Categorização_AD_e_AB_de_outras_wikis na linha 173: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).

  • Portal do ténis
  • Portal do Rio de Janeiro



Outros artigos do tema Rio de Janeiro : Sociedade do Rio de Janeiro (estado), 39º Batalhão de Polícia Militar (PMERJ), Carlos Malta, Escola de Enfermagem Anna Nery, Ministério Apascentar de Louvor, Grupamento Marítimo e Fluvial, Sequestro de ônibus na Ponte Rio-Niterói


Este artigo "Fernando Romboli" é da wikipedia The list of its authors can be seen in its historical and/or the page Edithistory:Fernando Romboli.