Welcome to EverybodyWiki 😃 ! Nuvola apps kgpg.png Log in or ➕👤 create an account to improve, watchlist or create an article like a 🏭 company page or a 👨👩 bio (yours ?)...

Kyrios (banda)

Fonte: EverybodyWiki Bios & Wiki


Kyrios
Informação geral
País Portugal Portugal
Gênero(s) Pop, Contemporânea Cristã
Período em atividade 1995 – presente
Gravadora(s) Farol, Sony BMG
Integrantes Isabel Cardoso (voz)
David Neutel (Direcção musical e teclas)
Jonas Daniel (baixo)
Patrick Simeão (bateria)
Nelson Garcez (guitarras)
Página oficial Kyrios TV

Erro Lua em Módulo:Categorização_AD_e_AB_de_outras_wikis na linha 173: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).

Kyrios é uma banda de música contemporânea cristã portuguesa.

História[editar]

A origem da banda remonta a 1995, como um projecto com a pretensão de criar música dentro dos valores do cristianismo, veiculando mensagens positivas, com as letras irreverentes e a qualidade musical como pontos fundamentais para marcar a sua posição.

O álbum de estreia do grupo, Projecto de Vida, foi uma edição independente e reunia estilos variados, num cenário ainda de busca e de experimentalismo.

O primeiro concerto aconteceu no ano de 1998, numa plataforma sobre água, na Expo98, Exposição Mundial de Lisboa.

O segundo álbum, já com a edição da Farol, recebeu o nome de Filhos de um Deus Maior, apresentando-se com uma vertente marcamente pop. Destacam-se temas como "D.E.U.S." ou "Todos Nós", numa co-autoria do Miguel Cardoso com o actor Pedro Granger, que participava, Sofia Ramada Curto, nos coros.

Na digressão "Filhos de um Deus Maior" que se seguiu, o grupo realizou dezenas de actuações, com destaque para o concerto no S. Luiz, uma actuação no Teatro Politeama a favor da Ajuda de Berço, ou a ainda o especial Kyrios, nos Açores, para o programa Ecclesia, do Canal 2 da RTP.

O ponto alto do ano 2000, foi a presença, como representantes de Portugal, no Jubilmusic, que decorreu em San Remo - Itália, e que teve transmissão televsiva da RAIUNO.

Seguiu-se uma pausa e uma mudança de quase todos os elementos da banda, com a banda a regressar ao estúdio, em 2003, para gravar o seu terceiro álbum, denominado de Depois. Este trabalho foi produzido pelo espanhol Jaume Pradas. Um dos temas deste álbum, "Deixa que o amor arranhe" tornou-se no tema principal na série da TVI "Olá Pai".

Além dos CD já referidos, a banda viu também vários temas editados em colectâneas de música cristã.

Nova paragem das actividades, desde 2004, parecia marcar o final do grupo mas, em 2007 e depois de três anos de interregno, eis que voltam ao estúdio para gravar o seu quarto disco, intitulado Lc 15:7, desta vez com etiqueta da Sony BMG.

Os Kyrios foram um dos 36 artistas que participaram no projecto "Artistas por Darfur" em 2007, de onde saiu a colectânea FRÁGIL - Artistas Portugueses por Darfur.

Origem do nome[editar]

O título “Senhor” (“Kyrios”) era o título com que a comunidade cristã primitiva designava Jesus, o Senhor glorioso.[1]

Membros[editar]

Isabel Cardoso (voz); David Neutel (Direcção musical e teclas); Jonas Daniel (baixo); Patrick Simeão (bateria); Nelson Garcez (guitarras).

Discografia[editar]

Ver artigo principal: Discografia de Kyrios

Álbuns[editar]

  • 1995 - Projecto de Vida
  • 1998 - Filhos de um Deus Maior
  • 2003 - Depois
  • 2007 - Lc 15:7

Referências

Ligações externas[editar]

Flag of Portugal.svgGuitarra masc.png Este sobre uma banda ou grupo musical de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Este artigo "Kyrios (banda)" é da wikipedia The list of its authors can be seen in its historical and/or the page Edithistory:Kyrios (banda).