You can edit almost every page by Creating an account. Otherwise, see the FAQ.

Mariângela Estelita Barros

Fonte: EverybodyWiki Bios & Wiki

{{#set:Bad content=pessoas }}

Mariângela Estelita
 Edit this InfoBox
Mariângela Estelita Barros
Nome completo Mariângela Estelita Barros
Nascimento 23 de outubro de 1970 (53 anos)
Goiânia, Brasil
Morte
Nacionalidade brasileira
Alma mater Universidade Federal de Goiás
Universidade Federal de Santa Catarina
Ocupação Professora e linguista
Influências
Principais trabalhos ELiS
Erro Lua em Módulo:Categorização_AD_e_AB_de_outras_wikis na linha 173: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).

Mariângela Estelita Barros (Goiânia, 23 de outubro de 1970) é uma professora e linguista brasileira.

História[editar]

Estelita nasceu em 23 de outubro de 1970, na cidade de Goiânia, em Goiás, onde cresceu e se formou. Na capital goiana, estudou inglês, francês, espanhol, italiano, esperanto, alemão, japonês e língua brasileira de sinais, se graduou em Letras: Português-Inglês pela Universidade Federal de Goiás e realizou o mestrado em Linguística pela mesma instituição. Lecionou em escolas de línguas e em instituições de ensino superior, como a Universidade Católica de Goiás, a Faculdade Cambury e a Universidade Salgado de Oliveira.[1]

Em 2005, mudou-se para Florianópolis, em Santa Catarina, para a realização do doutorado.[2] Atualmente, é professora da Faculdade de Letras da Universidade Federal de Goiás (UFG), onde ministra Introdução à Escrita de Sinais e Escrita de Sinais como disciplinas do curso de Letras e é diretora do Laboratório de Leitura e Escrita em Língua de Sinais (LALELIS).

ELiS[editar]

Ver artigo principal: Escrita das línguas de sinais

Durante seu mestrado, em 1998, Estelita começou a desenvolver um sistema de escrita das línguas de sinais: a Escrita das Línguas de Sinais, mais conhecida como ELiS.[3] Esse sistema se expandiu, principalmente após sua tese de doutorado, pela comunidade surda e é um dos mais reconhecidos ao lado do SignWriting e da notação Stokoe, este com estrutura similar à ELiS.[4] A princípio, a linguista desenhava símbolos em correspondência com a descrição de algum sinal, mas logo esse processo foi se ampliando e o desenvolvimento do sistema se consolidou em seu mestrado.[5]

De base alfabética e linear, a ELiS é um sistema de escrita construído pelos grupos visólogicos que formam os gestos: os parâmetros das línguas de sinais, de acordo com a singularidade linguística e os níveis gramaticais que os compõem.[6] É uma tentativa de registro de uma língua ágrafa — até então, sem qualquer escrita convencional e universal —, assim como uma escrita que se associa com o sinalizado, por meio dos visografemas (correspondente à letra no alfabeto romano).[7]

A ELiS é capaz de representar aspectos essenciais dos sinais, suficientes para a compreensão por escrito dos mesmos por um leitor distante, ou seja, pessoas que conhecem as convenções do sistema ELiS são capazes de se comunicar por escrito em língua de sinais [...] passou a ser um sistema de escrita real, com usuários reais, e ganhou vida própria, sustentada por seus novos criadores, os surdos. Os surdos, ao começar a usá-la, estão se apropriando desta estrutura, aplicando-a em inúmeras e imprevisíveis finalidades, enfim, estão fazendo desta árvore seca, uma frondosa e frutífera planta.
 
Estelita, Mariângela[8].

Referências

  1. Estelita, 2008, p. 3-5
  2. Estelita, 2008, p.4
  3. Estelita, 2008, p. 9
  4. Estelita, 2008, p. 23
  5. Quadros, 2007, p.2
  6. Estelita, 2008, p. 144
  7. Estelita, 2008, p. 140
  8. Quadros, 2007, p.22

Bibliografia[editar]

  • Estelita, Mariângela (2015). ELiS — Escrita das Línguas de Sinais. Porto Alegre: Penso 
  • Estelita, Mariângela (1998). Proposta de escrita das Línguas de Sinais (Dissertação de Mestrado). Universidade Federal de Goiás 
  • Estelita, Mariângela (2008). ELiS — Escrita das Línguas de Sinais: proposta teórica e verificação prática (Tese de Doutorado). Universidade Federal de Santa Catarina 
  • Estelita, Mariângela (2006). «ScripSig - Escrita quirográfica das línguas de sinais». Fragmentos. 30: 155-167 
  • Estelita, Mariângela (2007). «Um texto escrito em Libras? Sistema ELiS?». Revista da FENEIS. 32: 28-29 
  • Quadros, Ronice Müller (2007). Estudos Surdos II. Petrópolis: Arara Azul 
  • Fernandes, Leandro (2015). ELiS — internacionalização da escrita das línguas de sinais. Saarbrücken: Novas Edições Acadêmicas 

Ligações externas[editar]

Erro Lua em Módulo:Controle_de_autoridade na linha 131: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).Erro Lua em Módulo:Taxonbar na linha 147: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).Erro Lua em Módulo:Medbar na linha 131: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).


Este artigo "Mariângela Estelita Barros" é da wikipedia The list of its authors can be seen in its historical and/or the page Edithistory:Mariângela Estelita Barros.



Read or create/edit this page in another language[editar]