You can edit almost every page by Creating an account. Otherwise, see the FAQ.

Maria Luisa Friese

Fonte: EverybodyWiki Bios & Wiki


Luisa Friese
Nome completo Maria Luisa Friese
Outros nomes Luisa Friese
Nascimento 3 de dezembro de 1972 (51 anos)
Petrópolis, Rio de Janeiro
Nacionalidade brasileira
Ocupação atriz
Atividade 1998-presente
[www.luisafriese.com.br Página oficial]
IMDb: (inglês)

Erro Lua em Módulo:Categorização_AD_e_AB_de_outras_wikis na linha 173: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).

Maria Luisa Friese (Rio de Janeiro, 3 de dezembro de 1972) é uma atriz brasileira. Estudou no Instituto de Artes Cênicas (INDAC)/SP e Belas Artes na UFRJ.[1]

Biografia[editar]

Maria Luisa Friese, mais conhecida apenas como Luisa Friese, nasceu em Petrópolis, Rio de Janeiro, em 3 de dezembro de 1972, estudou no Instituto Nacional de Artes Cênicas (Indac/SP) e Belas Artes na UFRJ.

Recebe o prêmio de melhor atriz no Festival de Niterói com a peça "O Arquiteto e o Imperador da Assíria" de Fernando Arrabal.

Em 1999, com a atriz Liliane Rovaris, funda a Cia. As Duas, participando da criação, elaboração e como atriz de todos os seus espetáculos. Escreveu os textos das peças "Primeiro Tempo", "Dois Expressos e Uma Parada", "O que se Acumula Dentro do Coração" e "Arranha-céu".

Com Marcelo Mello na direção, atua também nas peças "Entropia", de Rodrigo Nogueira, e em "Elogio da Loucura", de Roger Mello.

Participa também como atriz da Cia. Circo de Estudos Dramáticos, dirigida por Caco Coelho, nos espetáculos "A Mentira", de Nelson Rodrigues, ao lado de Denise Del Vecchio, e "As Fenícias", de Eurípides, com Giulia Gam.

Em 2010 cria e realiza a videoinstalação "Impermanência" com o cineasta Fernando Coimbra e o artista sonoro Ricardo Cutz.

Em 2011 estreia na TV na novela "Insensato Coração" de Gilberto Braga e Ricardo Linhares, sob a direção de Dennis Carvalho.

Em 2015 idealiza e estreia a peça "Vulgar", sob a direção de Miwa Yanagizawa.

Em 2018 entra para a Cia Dragão Voador sob direção de Joelson Gusson e realiza vários espetáculos,

entre eles o seu primeiro solo "A Maravilhosa História da Mulher que foi Tirar um Retrato".

Em 2019 cria o canal de streaming Pulp Lu no Instagram onde é atriz e roteirista nele junto com Michel Blois.

Filmografia[editar]

Televisão[editar]

Ano Título Papel
2010 Bicicleta e Melancia Lúcia (participação especial)
2011 Insensato Coração Marisa
2012 Lado a Lado Matilde Sotero [2]
2015 Babilônia Silvia Oliveira de Montenegro [3]

Cinema[editar]

Ano Título Papel
2011 180° Branca
2014 Mulheres no Poder Carmem Lúcia (Carminha)

No teatro[editar]

  • 1997- O Arquiteto e o Imperador da Assíria, de Fernando Arrabal, direção de Magno Azevedo
  • 1999- Primeiro Tempo, de Ingmar Bergman, Liliane Rovaris e Luisa Friese, direção de Tracy Segal
  • 2001- As Fenícias, de Eurípides, direção de Caco Coelho
  • 2003- Elogio da Loucura, de Erasmo de Rotterdã, direção de Marcelo Mello
  • 2004- Dois Expressos e uma Parada, de Karinthy Frigyes e Kostolanyi Deszo, Cia. As Duas
  • 2005- O que se acumula dentro do coração, Cia. As Duas
  • 2006- A Mentira, de Nelson Rodrigues, direção de Caco Coelho
  • 2007- Arranha-céu, Cia. As Duas
  • 2008- Entropia, de Rodrigo Nogueira, direção de Marcelo Mello
  • 2008- A Gaivota (alguns rascunhos), de Anton Tchecov, direção de Haroldo Rego
  • 2009- Srta. Júlia, de August Strindberg, direção de Ole Erdmann
  • 2009- Azul Metálico, direção de Marcelo Mello
  • 2010- Dezenove não é Vinte, texto e direção de Marcelo Mello
  • 2010- Ponto de Fuga, texto e direção de Rodrigo Nogueira
  • 2011- 25, de Ismar Thirelli, direção de Robert Litig
  • 2015 - Vulgar, de Diego de Angeli, direção de Miwa Yanagizawa
  • 2017 - Hotel Brasil, direção de Joelson Gusson
  • 2018 - O Animal que Ronda, de Leonardo Corajo, direção de Joelson Gusson
  • 2018 - A Maravilhosa História da Mulher que foi Tirar um Retrato, de Luisa Friese e Joelson Gusson, texto e direção de Joelson Gusson

Referências

  1. Luisa Friese - Biografia Arquivado em 5 de fevereiro de 2016, no Wayback Machine. Acessado em 6 de abril de 2015
  2. Gshow (10 de setembro de 2012). «Matilde - Personagens - Lado a Lado». Gshow. Consultado em 6 de abril de 2015 
  3. Gshow (16 de março de 2015). «Silvia - Personagens - Babilônia». Gshow. Consultado em 6 de abril de 2015 

Ligações Externas[editar]

Ícone de esboço Este sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Outros artigos dos temas Arte E Televisão E BiografiasDiego Becker, Luisa Palomanes, Giovanna Chaves, Dercy Gonçalves, Anitta, Roberto Gómez Bolaños, Lívia Zaruty

Outros artigos dos temas Arte E TelevisãoTotal Drama: All Stars, Mundos Invisíveis, Total Drama World Tour, Nubeluz, Lívia Zaruty, El Chavo del Ocho, Pedro Landim

Outros artigos dos temas Arte E BiografiasDon Gerson (Rapper), Armando Geraldo, Patrícia Pomerantzeff, Marcos Mello, Carla Tausz, Amanda Tepe, Benji Schwimmer

Outros artigos dos temas Televisão E BiografiasVictória Diniz, Demore Barnes, Giovanna Chaves, Marjorie Estiano, Farid Germano Filho, Luan Gallagher, Thales Egidio

Outros artigos do tema Arte : Coco Jamboo, Kate Bell, Bob Kulick, Luisa Palomanes, 18 Year Old Virgin, Elegeion, Red Sprite

Outros artigos do tema Televisão : Gabriela França, TV São Mateus (2021-), Sarau (programa de televisão), Tom (desenho animado), El Chavo del Ocho, Squid Game, Brittney Powell

Outros artigos do tema Biografias : Domen Gril, Pia Haraldsen, Álvaro Calderón, Músicos de Pernambuco, Pol Calvet, Cantores de Sergipe, João Carlos Taveira


Este artigo "Maria Luisa Friese" é da wikipedia The list of its authors can be seen in its historical and/or the page Edithistory:Maria Luisa Friese.



Read or create/edit this page in another language[editar]