You can edit almost every page by Creating an account. Otherwise, see the FAQ.

Paróquia Nossa Senhora da Glória (Camobi)

Fonte: EverybodyWiki Bios & Wiki


Paróquia Nossa Senhora da Glória
Paróquia Nossa Senhora da Glória (Camobi)
Vista frontal da Igreja Nossa Senhora da Glória
Dados
Estado  Rio Grande do Sul
Município Santa Maria
Arquidiocese Arquidiocese de Santa Maria
Criação 25 de abril de 1965 (58 anos)
Igreja sede Igreja Matriz Nossa Senhora da Glória
Contatos
Endereço Avenida Inácio Teixeira Cézar, nº 187 - Camobi
Página oficial www.paroquiadecamobi-sm.net
Paróquia do Brasil Brasil

Erro Lua em Módulo:Categorização_AD_e_AB_de_outras_wikis na linha 173: attempt to index field 'wikibase' (a nil value).

A Paróquia Nossa Senhora da Glória é uma subdivisão territorial da Igreja Católica pertencente à Arquidiocese de Santa Maria que compreende o bairro Camobi e (partes dos) bairros Pé de Plátano, São José, Pains, Arroio do Só, Palma e Arroio Grande. É dirigida pelos sacerdotes da União do Apostolado Católico.

Origem[editar]

A devoção dos fiéis do Bairro Camobi à Nossa Senhora da Glória iniciou-se na região conhecida como Estação Colônia, no lugar aonde hoje se encontra a Igreja Matriz, no ano de 1890. Nesta época, Santa Maria era uma única Paróquia, tendo como sede a atual Catedral Metropolitana de Santa Maria e como pároco o Pe. Caetano Pagliuca, SAC. José Farias de Lima, proprietário de uma tafona (fábrica de farinha de mandioca) e muito devoto dos Santos, mandou construir um altar simples e pequeno junto á sua propriedade. Lá iniciou-se um movimento devocional que tomou grandes proporções.

Passado algum tempo, sentiu-se a necessidade de se construir um local maior para os atos de culto. Então, José Farias de Lima doou uma área de terra para construção de uma capelinha (onde hoje se encontra a Igreja Matriz) que foi inaugurada em 1895 e em 15 de agosto daquele ano a imagem de Nossa Senhora foi inserida na nova capela. Porém, pouco tempo depois, a capela foi destruída por uma grande tempestade. Mas com o entusiamo da comunidade, passados dois anos, foi reerguida uma nova capela no mesmo lugar [1].

Paróquia[editar]

Em 1946 viu-se a necessidade de construir uma nova igreja. Para isso, formou-se a "Comissão pró-construção", formada por Alfredo e Arlindo Tonetto e pelos irmãos Evaldo e Edemar Behr. O Pe. Pio José Soldera desenhou a planta de nova igreja e supervisionou o início das obras, sendo sucedido nesta função pelo Pe. Francisco Roggia, que o fez até a conclusão dos trabalhos, em 1955. Foram responsáveis pela execução dos trabalhos: Augusto Guarienti, Arlindo Giacomini, Camilo Bevilacqua, Ricardo Sartori e José Brondani (pedreiros); Fiori Pasqualini e Narciso Filipetto (cobertura); Lourenço Iop e filhos (forro); Ricardo Sartori (piso).

A partir de 1950 os Padres Palotinos passaram a receber auxílio dos Padres da Congregação Servos da Caridade, sediados na antiga Cidade dos Meninos. Os padres da Congregação dos Servos da Caridade prestaram serviços à igreja de Camobi, dentre eles:

  1. Cézar Cassol (1954-1958);
  2. Thomas Attamanzzi (1958-1962; 1963-1965);
  3. José Trevisan (1962-1963).

A partir de 1960, a igreja de Camobi passou a ter assistência como se fosse uma Paróquia, com a diferença de que o padre não residia na Casa Paroquial (que até então não havia sido construída). O crescimento rápido da comunidade fez com que a mesma não pudesse mais protelar; então, em 1964 formou-se uma comissão para a Construção da Casa Paroquial. O projeto foi levado com tanto entusiasmo que em um ano (1964-1965) os recursos foram angariados a Casa estava concluída.

O Vigário-Geral da Diocese, Monsenhor Floriano Cordenunsi prometera que, assim que a obra estivesse concluída, a nova paróquia seria instalada e o primeiro pároco seria empossado. A Congregação dos Servos da Caridade apresentou ao bispo diocesano dom Luís Victor Sartori o nome do Pe. Armando Brédice para primeiro pároco. O senhor bispo aceitou e estabeleceu a data de 18 de abril de 1965, Festa da Páscoa, para a instalação da Paróquia de Camobi. Porém, a data precisou ser adiada em uma semana em função dos fortes temporais que cairam. Assim, se realizaria em 25 de abril de 1965, exatamente no dia em que se realizava na cidade uma solenidade pela recente beatificação de Luiz Guanella, fundador da Congregação Servos da Caridade [2].

Atualmente[editar]

No ano de 1999, foi construído o novo salão paroquial, com mais espaço e melhores acomodações. Em 18 de agosto de 2002 , durante missa presidida por Dom Ivo Lorscheiter, a imagem de Nossa Senhora foi solenemente coroada pelo Pe. Augusto Barros, SAC, e passou a ter o título de Nossa Senhora Rainha da Glória. Para esta ocasião, a imagem fora restaurada pela artista plástica Jane Copetti. No ano de 2006, foram concluídas as obras de restauração da Igreja Matriz. O projeto arquitetônico foi elaborado pelo Arquiteto Alexandre Meneghetti e a arte sacra foi realizada pela artista plástica Tecla Eichelberger Hoppe e pela Irmã M. Senira Biscaro [3].

Referências

  1. Início numa tafona, Paróquia Nossa Senhora da Glória - 45 anos pelos caminhos da fé, p. 2, Edição Especial do Jornal Integração Regional - Ed. 525, 2010
  2. Uma comissão para construir a igreja, Paróquia Nossa Senhora da Glória - 45 anos pelos caminhos da fé, p. 2, Edição Especial do Jornal Integração Regional - Ed. 525, 2010
  3. História, Paróquia Nossa Senhora da Glória, Folder comemorativo pela reinauguração da igreja, 2006

Ligações externas[editar]

  • «PARÓQUIAS». Arqui Santa Maria. Consultado em 11 de março de 2023 


Outros artigos dos temas Santa Maria E Rio Grande do Sul E BrasilDistrito Industrial (Santa Maria), Passo das Tropas, Arroio do Só (distrito), Federação de Canoagem do Estado do Rio Grande do Sul, Campeonato Citadino de Santa Maria, Missão Brasil Santa Maria, Sítio Paleontológico Arroio Cancela

Outros artigos dos temas Santa Maria E Rio Grande do SulCampeonato Citadino de Santa Maria, Arroio do Só (distrito), Passo das Tropas, Distrito Industrial (Santa Maria), Parque Itaimbé, Sítio Paleontológico Arroio Cancela, Missão Brasil Santa Maria

Outros artigos dos temas Santa Maria E BrasilArroio do Só (distrito), Campeonato Citadino de Santa Maria, Distrito Industrial (Santa Maria), Arroio Grande (distrito), Rota turística e gastronômica Santa Maria - Silveira Martins, Praça Saldanha Marinho, Parque Itaimbé

Outros artigos dos temas Rio Grande do Sul E BrasilRota turística e gastronômica Santa Maria - Silveira Martins, Federação de Canoagem do Estado do Rio Grande do Sul, Praia Riviera, Museu Municipal Agostinho Martha, Cascata do Caracol, Ademar Silva, Estádio Edmundo Feix

Outros artigos dos temas Rio Grande do Sul E CatolicismoIgreja Matriz de Nossa Senhora de Lourdes, Paróquia São Pedro (Sapucaia do Sul)

Outros artigos dos temas Brasil E CatolicismoParóquia São Francisco das Chagas, Igreja Matriz de São José (Mossoró), Paróquia São Pedro (Sapucaia do Sul), Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição (Mossoró), Paróquia São José (Passabém), Paróquia Nossa Senhora da Conceição (Alexandria), Igreja Matriz de Nossa Senhora de Lourdes

Outros artigos do tema Santa Maria : Distrito Industrial (Santa Maria), Rota turística e gastronômica Santa Maria - Silveira Martins, Passo das Tropas, Campeonato Citadino de Santa Maria, Praça Saldanha Marinho, Arroio do Só (distrito), Sítio Paleontológico Arroio Cancela

Outros artigos do tema Rio Grande do Sul : Museu de Porto Alegre Joaquim Felizardo, Álvaro Santestevan, Paulo Ricardo Ribeiro, Grupo Oceano (Rio Grande), Casa de Cultura de Canela, Fábio Nunes Fernandes, Florestas nacionais no Rio Grande do Sul

Outros artigos do tema Brasil : Aeroclube de Cruz Alta, Angélica (apresentadora), Organizações esportivas do Brasil, Alcione Sortica, Lista de brasileiros vencedores e indicados ao Óscar, Estádio José Rocha, Missão Brasil Santa Maria

Outros artigos do tema Catolicismo : Dioceses de Goiás, Martin Luther, Heretic, Paróquia São José (Passabém), Bíblia, Dioceses do Rio Grande do Norte, Igreja Matriz de Nossa Senhora de Lourdes, Francisco das Chagas Pereira Pinto


Este artigo "Paróquia Nossa Senhora da Glória (Camobi)" é da wikipedia The list of its authors can be seen in its historical and/or the page Edithistory:Paróquia Nossa Senhora da Glória (Camobi).



Read or create/edit this page in another language[editar]